Mãe deixa bebê de 2 meses como ‘garantia’ em boca de fumo em MT

Continua depois da publicidade

Em Pontes e Lacerda, a 487 quilômetros de Cuiabá, ocorreu um caso surpreendente na última terça-feira (8): um bebê de dois meses foi abandonado pela mãe como garantia de que pagaria suas dívidas com traficantes.

A mãe da criança, de 28 anos é viciada em drogas e estava devendo aos fornecedores, como garantia  deixou o filho no ponto de drogas. Até o momento a mãe do bebê não foi localizada na tarde desta quarta-feira (9).

Imagem: (Reprodução / Google)

Ativado por um anônimo, o Conselho Tutelar, com o auxílio da Polícia Militar, dirigiu-se ao posto de drogas para resgatar a criança, que ocorreu em um prédio residencial no bairro Residencial Vera. Ao chegar ao local, a Polícia Militar encontrou o bebê com duas mulheres que não assumiram a garantia.

Segundo a delegada Bruna Caroline Laet, a equipe iniciou uma investigação e busca pela mãe da criança. As investigações vão rever os procedimentos necessários para a mãe e as pessoas que receberam a criança em pagamento pelo tráfico de drogas.

Na última segunda-feira (7), véspera dos fatos, a mãe perdeu temporariamente a guarda do menor, tendo intervindo no processo o desembargador Cláudio Deodato Rodrigues Pereira da 2ª Vara de Pontes e Lacerda.

A guarda foi retirada após solicitação do Ministério do Estado de Mato Grosso (MPE). O Ministério já conhecia a atitude da mãe e resolveu agir.

Imagem: (Reprodução / Google)

Além do bebê, a usuária é mãe de outros cinco filhos, inclusive foram dispensados ​​de suas responsabilidades: o primeiro filho da usuária faleceu com apenas dois anos e o terceiro está com uma família provisória.

Já o bebê está sob os cuidados do avô materno, que tem problemas cardíacos e não pode cuidar dos netos. A justiça continua avaliando a situação do avô.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais