jovem é encontrada sem vida ao ser sequestrada após homem invadir seu sítio

Na madrugada da última segunda-feira (27), uma mulher de 36 anos acabou perdendo a vida depois de ser sequestrada em São Paulo. Um homem havia invadido o sítio onde a vítima residia e em seguida a sequestrou, antes de assassiná-la cruelmente.

O sítio onde a mulher morava fica situado na zona rural de São Pedro (SP). A vítima foi identificada como Vanessa Veroneze Francisco e as primeiras informações sobre o caso foram divulgadas pela EPTV, afiliada da TV Globo.

Continua depois da publicidade

Segundo o que foi divulgado, Vanessa morava no sítio em questão com o marido. Quando o invasor adentrou o local, rendeu a mulher e o companheiro. Ao abordar o casal, o criminoso queria a quantia de R$ 6 mil. A polícia não informou como o homem sabia do valor.

O marido de Vanessa contou em entrevista à afiliada da Globo que o invasor bateu na porta e entrou na casa. O companheiro da vítima ainda declarou que sua esposa acreditava que se tratava de um parente.

“Ela achou que era o irmão dela chamando. No que ela abriu a porta já foi rendida pela pessoa. E pedindo dinheiro, ‘quero dinheiro, quero dinheiro’. Eu falei ‘não tenho dinheiro’. Do jeito que eu falei que não tinha dinheiro, tomei um soco aqui na boca. Ali ele falou ‘tem dinheiro, sim, eu sei que tem dinheiro aqui’“, relatou o marido de Vanessa.

O invasor, ainda de acordo com o que informou o esposo da vítima, teria ameaçado tirar a vida da filha do casal se eles não dessem o dinheiro. Depois de procurar pela residência, o criminoso encontrou os R$ 6 mil.

O marido de Vanessa prosseguiu relatando que o ladrão ordenou que ele tomasse remédios e ainda o agrediu, afirmando que iria matar a filha dele que estava no berço. Em seguida, o casal foi levado como refém, mas o bandido soltou o homem na estrada e não viu para onde ele havia levado sua esposa.

Vanessa foi encontrada sem vida em um canavial dentro do carro. Ninguém foi preso até o encerramento desta notícia.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais