Crianças são atropeladas por roçadeira após jogo de futebol e terminam com os corpos cortados pelas lâminas

Duas crianças, de 9 e 12 anos, foram tragicamente atropeladas por uma roçadeira e sofreram graves ferimentos.

O incidente ocorreu em um campo de futebol na cidade de Jaraguá do Sul, localizada na região Norte do estado de Santa Catarina, logo após a realização de um evento esportivo na tarde do último domingo (30).

Segundo informações da Polícia Militar, após o término da partida, alguns torcedores adentraram o campo para celebrar a vitória de seu time.

Em meio à comemoração, alguns indivíduos removeram a lona que cobria a roçadeira e, inadvertidamente, acionaram o equipamento, dando voltas ao redor do gramado como parte da celebração.

Infelizmente, durante essa ação imprudente, o veículo atingiu duas crianças, que tiveram partes de seus corpos severamente dilaceradas pelas lâminas do equipamento.

As vítimas foram prontamente socorridas pelo Corpo de Bombeiros Voluntários e pelo Serviço de Urgência e Emergência (Samu), sendo encaminhadas para um hospital local. Veja o vídeo a seguir.

De acordo com informações fornecidas pela equipe Sport Live, responsável pela transmissão do jogo de futebol pela internet, as crianças foram submetidas a cirurgias e, felizmente, passam bem.

Entretanto, elas ainda estão sendo submetidas a avaliações clínicas, uma vez que necessitam de cuidados na recuperação pós-operatória.

A Polícia Militar informou que o indivíduo responsável pelo acionamento da roçadeira seria um homem de 56 anos, identificado como presidente do clube João Pessoa.

Ele foi acusado de perturbar o serviço policial e de invadir uma área isolada pelas autoridades policiais, momento em que teria manuseado o equipamento. O homem foi detido e encontra-se à disposição da Justiça.

Além do presidente do clube, um homem de 50 anos, identificado como o motorista da roçadeira, também foi preso pelos agentes da Polícia Militar.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais