‘como eu vou tirar isso da cabeça dela?’

Uma cena de horror foi registrada na manhã desta quarta-feira, 5 de abril de 2023, quando um homem de 25 anos pulou o muro de uma creche em Blumenau, Santa Catarina.

O crime, ainda não esclarecido e sob responsabilidade de investigação das autoridades policiais de Blumenau, acabou vitimando três crianças indefesas e inocentes nas primeiras horas deste dia triste e fatídico.

Famílias sofrem com a dor da perda e o choque de um crime bárbaro e sem explicação, enquanto outras estão sem saber o que fazer para amenizar o trauma dos filhos que sobreviveram ao cruel ataque na creche onde estudam.

A exemplo disso, o pai de uma menina de 5 anos que presenciou o ataque a seus colegas, que acabaram perdendo suas vidas enquanto realizavam atividades lúdicas no parquinho, disse que a filha não se feriu fisicamente, mas emocionalmente está destruída.

O pai de Lara Beatriz e Vitor Henrique, de 8 anos, ambos estudam na creche que foi atacada, mas no momento somente Lara estava no local. Comovido e com voz embargada, ele conta o que a filha lhe disse assim que o viu quando foi buscá-la na creche após o ataque:

“Papai, eu estava no pátio e eu vi quando ele pulou o muro com o capacete rosa, uma faca e um martelo na mão.”

Em desabafo, ele se mostra preocupado e faz uma pergunta que ainda não tem resposta:

“Como eu vou tirar isso da cabeça da minha filha?”

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais