Avião de Marília Mendonça parecia pouco danificado; por que todos morreram?

O acidente aéreo do último dia 5, que resultou na morte da cantora Marília Mendonça, deixou muitas questões em aberto. Enquanto as investigações continuam em busca de uma explicação para o que causou o acidente, outra questão continua ganhando força.

postimg 6187f456512167 750x375 1
Imagem: (Reprodução / Google)

Imagens feitas no local do acidente mostram que o avião não teve tantos danos quanto se poderia imaginar em um acidente que matou todos os ocupantes. As filmagens mostram que apenas a cauda do avião parecia destroçada, enquanto a estrutura principal parecia preservada.

Continua depois da publicidade

Diante dessas imagens, a principal questão era como todas as pessoas morreram se o avião parecia preservado? A resposta para isso é, geralmente, a força da gravidade. Isto é, a queda repentina e abrupta causa uma descarga de peso nos corpos dos passageiros que não é distribuído.

Quando um avião faz um pouso planejado, ou ainda que seja um pouso forçado, a força é devidamente distribuída vertical e horizontalmente. No entanto, quando o avião sofre uma queda vertical, essa força não é devidamente distribuída.

Este peso poderia ser capaz de gerar danos à coluna e até laceração dos órgãos internos. Essa tem sido a maior especulação no momento, de que o avião possa ter sofrido uma queda vertical e isso causado a morte dos ocupantes.

Essa, no entanto, neste momento é apenas uma das explicações possíveis. É esperado que as investigações tragam maiores esclarecimentos sobre o que causou a queda e, consequentemente, a causa das mortes.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais