Quem são as crianças que perderam a vida em creche em Blumenau? Vítimas tinham entre 4 e 7 anos

Quatro crianças foram friamente executadas na manhã desta quarta-feira, dia 05 de abril, na cidade de Blumenau, situada no estado de Santa Catarina.

Um assassino de 25 anos pulou o muro da creche particular Cantinho Bom Pastor e, com uma machadinha em mãos, atacou aleatoriamente as crianças que via pela frente.

As vítimas tinham entre quatro e sete anos de idade, e são as seguintes: Bernardo Pabest da Cunha, de quatro anos de idade; Bernardo Pabest da Cunha, também de quatro anos de idade; Bernardo Cunha Machado, de cinco anos de idade; e Larissa Maia Toldo, de sete anos de idade.

Quem são as vítimas do atentado em Blumenau? Veja a seguir.

Depois do atentado, o criminoso foi ao Batalhão da Polícia Militar da cidade de Blumenau, onde se apresentou voluntariamente. De acordo com as autoridades policiais, o assassino tinha passagens por crimes diversos.

Além das vítimas fatais, outras quatro crianças foram encaminhadas às pressas para o Hospital Santo Antônio, também situado em Blumenau, onde receberam os primeiros socorros.

Bernardo Cunha Machado tinha 5 anos.

Bernardo Pabest da Cunha tinha 4 anos.

Enzo Marchesin Barbosa também tinha 4 anos.

Larissa Maia Toldo. Menina tinha 7 anos.

Em nota, a unidade de saúde informou que todas as vítimas seguem internadas e os quadros de saúde são considerados estáveis. Elas devem permanecer no hospital por mais alguns dias para a sequência dos tratamentos médicos.

Uma das crianças chegou à unidade de saúde com estado de saúde considerado grave. Ela foi submetida a um procedimento cirúrgico de urgência e se recupera bem.

O caso ganhou repercussão internacional. Líderes e autoridades de diversos países enviaram notas de condolências ao Brasil, lamentando com enorme pesar a tragédia.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais