Quem é o homem que teve a vida tirada de forma brutal enquanto realizava um trabalho de caridade: ‘Não merecia’

Neste último mês de abril, um homem de 79 anos, acabou perdendo a sua vida de forma extremamente trágica enquanto estava prestes a realizar um trabalho de caridade.

Ele foi identificado pelo nome de Rudy Lazo. E tudo aconteceu durante uma viagem, realizada para entregar produtos que seriam destinados a famílias que passam por necessidades.

Lazo era uma pessoa que frequentemente se engajava em trabalhos de caridade, sentindo prazer naquilo que fazia. Ele transportava roupas, brinquedos, alimentos e outros produtos de primeira necessidade para regiões mais pobres.

E infelizmente, Rudy acabou perdendo a sua vida de forma trágica. Ele foi espancado até a morte. As autoridades acreditam que o crime tenha ocorrido por criminosos que tentaram roubar o caminhão que ele estava dirigindo.

Segundo informações fornecidas pela família de Lazo, ele tinha a intenção de construir um centro comunitário e transformar a caridade em sua verdadeira vocação na sua vida.

O responsável por identificar o corpo de Rudy, foi o próprio filho dele, Juan Lazo, que desabafou diante da triste situação.

“Ele não merecia isso. Na verdade, nenhum ser humano merece isso”, contou, ao ser entrevistado por um canal de comunicação.

Até o momento, os responsáveis pelo espancamento não foram identificados pelas autoridades. O caso continua a ser investigado. A situação ocorreu no México.

Rudy já morava há alguns anos nos Estados Unidos, mas não deixava de realizar suas doações no país vizinhos.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais