Quem é a idosa que foi operar o tornozelo e teve a perna amputada

Segundo o diretor do Hospital Geral do Estado (HGE), localizado na cidade de Maceió, capital do estado de Alagoas, Rodrigo Melro, a paciente que teve uma perna amputada por engano é uma senhora de 73 anos que procurou a unidade para tratar de uma fratura no tornozelo.

Contudo, algo deu muito errado na cirurgia, resultando na amputação do membro superior até a altura da coxa.

A família da vítima se reuniu com o secretário de Estado da Saúde, Gustavo Pontes, na manhã deste sábado (22).

Desde o dia 19, Maria José se encontrava internada aguardando a cirurgia. No entanto, algo terrível aconteceu e a fratura em seu tornozelo foi tratada com uma amputação na altura da coxa.

Até o momento, os nomes dos membros da equipe médica envolvidos no ocorrido estão em sigilo, enquanto a equipe foi prontamente afastada e uma investigação foi iniciada para determinar as causas do erro.

A família de Maria José está atônita com o ocorrido. Maria Aparecida, irmã da idosa, expressou seu choque ao falar sobre como a paciente sempre foi uma pessoa ativa. 

Agora, com a amputação de uma das pernas, ela se tornará dependente da ajuda de outras pessoas.

Para assistir ao vídeo CLIQUE AQUI!

“A gente queria que ela viesse morar na mesma rua que eu e os outros irmãos, mas ela preferia ficar na casinha dela. Nossos irmãos são muito unidos, e a família depende de hospitais públicos. Somos em sete, a maioria idosos. Como confiar? Minhas irmãs não param de chorar”, declarou a irmã.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais