Ladrão rouba telefone, encontra imagens de crimes contra crianças, denuncia o dono do aparelho e ‘vítima’ é presa

Existe um ditado no Brasil que diz que “ladrão que rouba ladrão tem 100 anos de perdão”. É claro que não se trata de uma verdade absoluta e muita gente pode discutir sobre o ponto ético e moral da frase.

No entanto, talvez essa seja uma forma interessante de descrever um caso inusitado que aconteceu na Argentina, mas tem ganho repercussão também internacional. U

Continua depois da publicidade

m homem acabou denunciando um suspeito por pornografia infantil após roubar seu telefone. O caso aconteceu na última terça-feira (15/08), quando um homem de 45 anos foi vítima de assalto.

Ele teve sua moto e seu celular roubados durante a ação criminosa. Ao procurar a polícia, no entanto, ele denunciou apenas o roubo da motocicleta.

O motivo para não denunciar o roubo do telefone, no entanto, veio à tona. Isso porque o suspeito conseguiu acesso ao aparelho e, enquanto navegava, acabou encontrando conteúdo envolvendo crianças.

Como não podia simplesmente procurar a polícia e fazer a denúncia, o assaltante decidiu expor sua “vítima” nos grupos em que ele mesmo participava. “Encontrei este celular e vou colocar as fotos aí“, escreveu antes de compartilhar as fotos criminosas.

As imagens chegaram à quem precisavam chegar e uma denúncia formal foi feita à polícia. Com isso, o homem foi preso enquanto caminhava na rua. Ao revistar sua residência, a polícia encontrou mais evidência.

Agora, a polícia argentina tenta encontrar o ladrão de celular para conseguir analisar o aparelho. O preso, por conteúdo envolvendo crianças, não teve a identidade revelada.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais