após perder contato com a família, pai pede ajuda para amigo no MT; mãe e 3 filhas foram vítimas de chacina

Neste último domingo, dia 26 de novembro, o pai das três meninas mortas, com a mãe, dentro da casa em Sorriso, no Mato Grosso. Após notar que não conseguia mais ter contato com sua família, o homem mandou um áudio para um amigo, pedindo por ajuda.

O homem trabalha como caminhoneiro e estava viajando quando ocorreu o crime cruel. Na gravação, ele alega que estava procurando ter contato com suas filhas e com sua esposa desde sexta-feira, dia 24 de novembro, mas não conseguia.

Continua depois da publicidade

“Tô ficando preocupado aqui. Mando mensagem não me responde , ligo no WhatsApp e não atende, ligo no telefone normal e vai direto para caixa de mensagem. Elas sempre respondem”, disse no áudio.

Áudio (escute aqui)

Quando o crime ocorreu, o homem estava em Cascavel, no Paraná, e ao notar que ninguém o respondia, resolveu pedir ajuda para um amigo, com a intenção de que ele verificasse se alguém estava em casa. Contudo, o amigo da família não estava na cidade para ajudar.

O principal suspeito de ter cometido o crime é um pedreiro, de 32 anos, que trabalhava em uma obra ao lado da casa. Ele teria invadido a casa das vítimas pela janela de um banheiro.

O homem teria entrado no local e entrado em confronto com a mãe das vítimas, assim a esfaqueando. Ele também tirou a vida das filhas da mulher, todas menores de idade, exceto uma de 19 anos. E enquanto as vítimas agonizavam, cometeu o crime de estupro.

O caso continua a ser investigado pelas autoridades e deixou toda a comunidade de Sorriso chocada com tamanha crueldade que foi aplicada diante da situação.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais