Capivara Filó é devolvida a influenciador; saiba as exigências impostas pela justiça

A capivara que foi nomeada como Filó pelo influenciado digital Agenor Tupinambá se tornou uma celebridade nas redes sociais. Mesmo antes de toda polêmica, os vídeos em que ela aparecia ao lado de Agenor viralizaram nas redes sociais.

A última semana foi bastante conturbada na vida de Agenor e Filó já que havia sido determinado que o animal silvestre não poderia continuar na posse de Agenor.

O caso movimentou as redes sociais que sempre acompanhavam a rotina de Agenor com o “pet” pouco convencional dele.

Por causa dos vídeos que publicava nas redes sociais, Agenor acabou chamando atenção do Ibama e foi denunciado por suspeita de abuso, maus-tratos e exploração de animal.

Além de ter o animal recolhido, foi-lhe imposto multas que somam o valor de 17 mil reais.

Entretanto, o caso não terminou com a entrega do animal ao Ibama. A polêmica continuou nas redes sociais e após decisão judicial, o animal poderá voltar à posse de Agenor.

O momento que estava sendo aguardado por muito internautas que estão acompanhando o caso finalmente aconteceu neste domingo, dia 30 de abril.

Veja o momento em que Filó finalmente retornou para o influenciador Agenor Tupinambás:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por CHOQUEI (@choquei)

A decisão de libertar Filó partiu do juiz federal Márcio André Lopes Cavalcante. Com a decisão, Agenor poderá levar a capivara para seu habitat natural desde que comprove que o transporte será realizado de maneira apropriada.

A decisão determine que Agenor informe periodicamente as condições da capivara.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais