Vídeo flagra o momento em que ponte desaba entre RS e SC, 30 pessoas são resgatas há feridos e desaparecidos

Um registro em vídeo que está sendo divulgado nas mídias sociais mostra a situação na qual uma ponte que liga Torres, no Rio Grande do Sul, a Passo de Torres, em Santa Catarina, cede, resultando na queda dos transeuntes na água.

O incidente ocorreu nas primeiras horas desta segunda-feira (20). No vídeo, pode-se notar que um indivíduo fica segurando-se na ponte, tentando impedir a queda. Enquanto isso, outros indivíduos que caíram na água, procuram por auxílio nadando.

Continua depois da publicidade

Sobre o Rio Mampituba, está presente uma ponte pênsil, a qual é sustentada por cabos e utilizada para tráfego de pedestres. Veja o vídeo a seguir.

Para assistir o vídeo com a queda da ponte CLIQUE AQUI!

Matheus Junges, secretário de Turismo de Torres, afirmou que, após uma celebração de Carnaval, um conjunto de pessoas retornava a pé de Passo de Torres para Torres, momento em que o acidente ocorreu, cerca das 2h30.

De acordo com as autoridades locais, aproximadamente 100 pessoas estavam sobre a ponte, a qual possui capacidade máxima para 20 indivíduos (informação disponível em uma placa presente no local).

Um total de 30 indivíduos foi socorrido das águas e, no momento, três pessoas se encontram desaparecidas, incluindo uma progenitora e seu filho de um ano, conforme relatos da Brigada Militar (BM) e do Corpo de Bombeiros.

Para assistir o vídeo com a reportagem completa CLIQUE AQUI!

As operações de busca ainda estão em andamento por parte dos bombeiros. Além disso, 16 indivíduos já foram assistidos por profissionais médicos em Torres.

Os dois municípios, Passo de Torres e Torres, dividem a responsabilidade pela ponte, que foi aberta ao público na década de 1980.

Conforme os órgãos governamentais, a preservação da estrutura estava atualizada e a papelada estava em ordem, permitindo que os indivíduos transitassem com segurança. Todavia, há uma suspeita de que a sobrecarga tenha sido o motivo do incidente.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais