Tornado atinge cidades de Santa Catarina e deixa um cenário de devastação

Na madrugada desta quinta-feira (16), um tornado foi atingiu os municípios de Seara e Itá, ambos localizados na zona Oeste de Santa Catarina, conforme informações da Defesa Civil estadual.

O fenômeno, registrado por volta da 1h durante a ocorrência de tempestades severas, foi confirmado pelo órgão após a análise de imagens dos radares meteorológicos.

Com rajadas de vento ultrapassando os 100 km/h, árvores foram arrancadas pela raiz, e eucaliptos apresentaram torções, conforme relato do órgão. Ao contrário dos ciclones, os tornados não abrangem vastas áreas territoriais.

Segundo a meteorologista Elen Pelissaro, da Defesa Civil de Santa Catarina, os tornados têm sua origem em nuvens cumulonimbus que apresentam rotação.

“Essa rotação consegue, dependendo de outros ingredientes, descer até a superfície. Quando esses ventos que saem da base da nuvem, num topo mais alto, encostam na superfície, a gente classifica como tornado”, afirmou a meteorologista Elen Pelissaro.

As tempestades que estão assolando vários municípios na região Oeste do estado de Santa Catarina, de acordo com a Defesa Civil, foram desencadeadas pela interação de uma frente fria com o influxo de uma massa de ar quente e úmida proveniente do norte.

Esses eventos também resultaram em danos relacionados a vendavais e chuvas intensas. Os vídeos compartilhados nas redes sociais e corroborados pelos órgãos de segurança evidenciam a magnitude dos danos resultantes da intensa chuva que assola Santa Catarina nesta quinta-feira.

As tempestades e ventos robustos provocaram o arrastamento de veículos, transformaram um morro próximo a uma rodovia em uma cachoeira e converteram ruas em verdadeiros cursos d’água.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais