Quem são as quatro vítimas fatais de acidente entre um carro e caminhão, eles voltavam de um velório

Um grave acidente resultou em um verdadeira tragédia ceifando a vida de quatro pessoas da mesma família.

Na manhã da última segunda-feira (21), ocorreu um terrível acidente envolvendo um caminhão e um carro na rodovia BR-116, na Altura do município de Ubaporanga, localizado no interior do estado de Minas Gerais. No automóvel, encontrava-se uma família que retornava de uma cerimônia fúnebre no estado da Bahia e estava a caminho do estado de São Paulo, onde residia.

Continua depois da publicidade

Conforme as informações fornecidas pelos socorristas do Corpo de Bombeiros, três indivíduos perderam a vida no local da colisão frontal que foi extremamente violenta. Posteriormente, no decorrer da tarde, uma mulher que tinha sido resgatada e transportada em estado crítico para uma unidade de saúde mais próxima, não conseguiu sobreviver às lesões incompatíveis com a vida.

Segundo o boletim de ocorrência, lavrado pelas autoridades competentes as vítimas foram identificadas como:

  • Roque Paixão de Araújo, de 43 anos;
  • Lucas dos Santos Paixão, de 24 anos;
  • Matheus dos Santos Silva, de 28 anos;
  • Helena da Paixão, de 52 anos.

Atualmente, existem três pessoas feridas e sob cuidados médicos, incluindo uma criança de cinco anos que se encontra em estado crítico no Hospital Irmã Denise. O pequeno aguarda a sua transferência para o Hospital João XXIII, localizado em Belo Horizonte.

O condutor do caminhão baú não sofreu lesões e relatou que estava viajando de Manhuaçu para Ipatinga, sendo incapaz de evitar o ocorrido.

Estava chovendo no momento e ‘do nada’, neste final de curva, ele já saiu da curva invadindo a contramão colidindo comigo de frente”, relatou Milton Amorim, condutor do caminhão.

Conforme informações prestadas pelos bombeiros, entre as três vítimas que perderam a vida no local do incidente, duas delas ficaram aprisionadas nas estruturas do veículo, enquanto a terceira foi encontrada fora do automóvel.

Além dos bombeiros, agentes da Polícia Rodoviária Federal estiveram presentes para regular o tráfego, que foi parcialmente bloqueado. As autoridades também solicitaram a intervenção da equipe de perícia técnica.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais