Quatro das sete vítimas fatais são identificadas, ônibus que levava torcedores do Corinthians estava irregular, diz ANTT

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) relatou que o ônibus envolvido no acidente na rodovia Fernão Dias, transportando torcedores do Corinthians, não estava devidamente registrado ou autorizado para operações de transporte intermunicipal de passageiros.

No acidente que aconteceu na madrugada deste domingo (20) no KM 520, próximo a Igarapé, na Grande Belo Horizonte, sete indivíduos perderam suas vidas.

Continua depois da publicidade

Até o momento, apenas quatro vítimas foram identificadas. Segundo informa a Polícia Civil, 36 pessoas sofreram ferimentos, com 27 delas necessitando de atendimento médico, sendo conduzidas a hospitais da região.

O veículo envolvido no acidente, registrado em Jacareí e pertencente à empresa CFV Martins Transportes, transportava um total de 43 pessoas.

O ônibus conduzia torcedores da ‘Fiel’ vindos de Caçapava, Jacareí, São José dos Campos, Pindamonhangaba e Taubaté. O grupo havia se organizado para acompanhar o clube.

Todos tinham assistido da partida do time paulista contra o Cruzeiro no noite do último sábado (19), que aconteceu no Mineirão, em Belo Horizonte, capital mineira.

A concessionária responsável pela gestão do trecho, a Arteris Fernão Dias, comunicou que o condutor do ônibus perdeu o controle do veículo ao adentrar uma curva, resultando em uma colisão contra um barranco e posterior capotamento.

Peritos da Polícia Civil de Minas Gerais esclareceram que a manobra executada pelo motorista do ônibus, direcionando o veículo de encontro ao barranco, contribuiu para evitar uma tragédia ainda mais grave.

De acordo com informações fornecidas pelo Corpo de Bombeiros, os torcedores presentes no ônibus relataram que o motorista proclamou a ausência de freios no veículo momentos antes do acidente ocorrer.

Entre as sete vítimas fatais, quatro já tiveram suas identidades reveladas, tanto por familiares quanto pela Polícia Civil de Minas Gerais. Essas vítimas são:

  • Hamilton Rogério dos Santos, de Pindamonhangaba (SP);
  • Andrey Francisco, natural de São José dos Campos (SP);
  • Allan Aguiar, também de Pindamonhangaba (SP);
  • Rodrigo Lacerda de Barros, de Taubaté (SP)

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais