o que teria sido encontrado nos destroços do veículo marinho

Neste último domingo, dia 18 de junho, o submarino Titan desapareceu, apenas 1 hora e 45 minutos após ter saído para realizar uma expedição, com a intenção de encontrar destroços do Titanic que naufragou em meados de 1912.

O submarino não tinha preparação para ir até altas profundidades, e agora, os cinco tripulantes estão em uma situação crítica, com poucas chances de sobrevivência.

O oxigênio estava previsto para acabar nesta quinta-feira, dia 22 de junho. E agora, as chances de as pessoas serem encontradas ainda com vida, estão bastante baixas. Além disso, destroços foram encontrados pela Guarda Costeira dos Estados Unidos.

Os destroços foram encontrados próximos ao local em que estava sendo realizado as buscas do submarino Titan. Com isso, chegou a ser revelado o que exatamente teria sido encontrado pelas autoridades.

Eles acharam “uma estrutura de pouso e uma tampa traseira” do submersível. Os destroços foram encontrados pelo ‘Horizon Artic’, uma embarcação que é operada de forma remota e que consegue atingir profundidades de até 6 mil metros. Ela é utilizada para recuperar objetos do fundo do mar.

Mais informações sobre o caso devem ser divulgadas pela Guarda Costeira através de uma coletiva que foi marcada para atender a imprensa diante do assunto.

Por enquanto, ainda se é considerada a possibilidade de o submarino ter sofrido uma implosão, por conta da alta pressão que pode ter atingido. Neste caso, as buscas ficariam ainda mais complexas.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais