Jovem quase vai à óbito e tem pés e mãos amputadas por causa de pulga; entenda

Este caso vem chamando a atenção e ganhou grande repercussão após se tornar destaque nos principais portais de notícias em todo o mundo.

Um homem de 35 anos, identificado como Michael Kohlhof, passou pela amputação das mãos e parte dos pés após ser mordido por uma pulga.

No início, ele acreditava que os sintomas que estava apresentando eram apenas resultado de uma gripe comum, mas posteriormente descobriu que havia contraído tifo, uma doença infectocontagiosa, após entrar em contato com o parasita.

O jovem começou a se sentir mal quando visitava sua mãe no hospital em San Antonio em 19 de junho, Michael começou a sentir-se adoecido, e sua família também suspeitou que não passava de uma gripe ou resfriado.

Entretanto, o homem de 35 anos foi rapidamente levado à UTI devido a uma grave sepse e falência de órgãos. A situação era tão crítica que sua família recebeu a informação de que ele provavelmente não sobreviveria.

É importante destacar que, nas semanas anteriores ao diagnóstico, Kohlhof não apresentou nenhum sintoma anormal, embora tenha se sentido cansado.

Os sintomas característicos do tifo, de acordo com o CDC, englobam febre e calafrios, dores no corpo e nos músculos, perda de apetite e episódios de vômito.

Michael Kohlhof fotografado no hospital onde foi internado em 19 de junho Ele tem vrias cirurgias pela frente e no tem plano de sade

A cirurgia para amputação das mãos foi realizada em 10 de julho, enquanto a primeira intervenção no pé ocorreu em 20 do mesmo mês.

Michael enfrentará ainda mais procedimentos cirúrgicos, terapias e reabilitação para sua recuperação. Familiares contam que Kohlhof esteve em um estado tão crítico que chegou a ser desenganado pela equipe médica.

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais