Corpo de PM é encontrado com sinais de ter tirado a própria vida em MS e marido é achado sem vida em SP horas depois

Na manhã desta terça-feira, dia 20 de junho, a policial militar Cássia Silva Machado, foi encontrada sem os seus sinais vitais dentro de uma caminhonete. O caso aconteceu na região de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul.

Canais de comunicação confirmaram que o marido dela, identificado pelo nome de Jorge Augusto Saito, que também atuava como militar, foi encontrado morto no começo da manhã, na região de Presidente Epitácio, em São Paulo.

O casal era lotado na Polícia Militar de Bataguassu.  De acordo com o que foi apurado, o corpo de Cássia foi achado por um homem que trabalha em uma fazenda localizada nas proximidades.

O corpo estava dentro de uma caminhonete, na região da MS-455. Em relato aos agentes que atenderam a ocorrência, o homem contou que achou que a mulher apenas estava dormindo, mas a mesma não respondeu ao ser chamada. 

A Polícia Civil foi acionada e, ao analisar a cena da morte, localizou uma pistola sobre o colo da vítima. A delegada responsável pelo caso, Rafaela Lobo, confirmou que há suspeita de que tenha ocorrido um suicídio.

Ainda segundo as autoridades, a caminhonete em que a mulher foi encontrada morta, pertence ao seu marido que também foi encontrado sem vida ainda nesta manhã de terça-feira, em outra localidade.

Agora, a Polícia está investigando todo o caso, contando com o apoio de agentes de São Paulo e do Mato Grosso do Sul. As investigações devem confirmar a tese da polícia,  ou descarta-la.

Ambos são policiais militares e as duas polícias, estarão integradas nas investigações. Não sabemos ainda se a arma utilizada nas duas situações é a mesma. Possivelmente ele faleceu antes dela”, informaram.

 

 Importante:   Este site faz uso de cookies que podem conter informações sobre os visitantes. ACEITAR Leia mais